sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Tablets são entregues aos professores da rede municipal


374 professores de Paudalho receberam o equipamento
Paudalho – Iniciando o ano letivo os professores de Paudalho participaram na manhã desta quarta-feira (03), no auditório da Academia de Policia Militar da Formação Continuada para os professores da rede municipal de ensino.
O Secretário de Educação Eduardo Freitas abriu o evento em seguida houve uma palestra da professora Drª Judite Botafogo com a temática: "O Professor como Agente de Mudança e Transformação". 
Para cada professor foi entregue um tablet para ser utilizado na preparação e na execução das aulas.

Mais Fotos:





Fonte: Portal da Cidade Paudalho

Vídeo: Idoso morre durante relação íntima com prostituta e casal é levado a hospital após ficar grudado pela região genital


30DE2A4E00000578-3431353-image-a-10_1454576371680Um idoso morreu enquanto tinha relação íntima com uma prostituta, e foi levado por paramédicos ainda ligado à mulher.
Um vídeo surgiu na internet, e mostra o idoso falecido sendo transportado com a mulher supostamente sobre ele, presa pelo órgão genital.
Os paramédicos transportaram o corpo do morto com a mulher por cima, através de uma maca. Eles estavam levando o casal a um hospital, para libertarem a prostituta.
30DE2A2000000578-3431353-image-a-8_1454576365991
Uma multidão de pessoas assistiu horrorizada a cena, que parece mostrar a mulher se movendo debaixo do cobertor. O
Ele foi supostamente filmado em algum local na China, mas não se sabe exatamente o lugar
Veja o vídeo abaixo: ou vídeo pode ser visto no DailyMail

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

Buenos Aires paga novo piso nacional aos professores


 O município de Buenos Aires se antecipou em relação a outros municípios pernambucanos e já efetuou, na última quinta-feira (28), o pagamento dos servidores municipais. A novidade é que os professores da rede municipal de ensino já receberam com o novo aumento salarial estipulado pelo MEC. Com o reajuste de 11,36%, o piso salarial dos docentes da Educação Básica, em todo o país, passou para R$ 2.135,64. Buenos Aires fica a 79 km de distância do Recife, tem uma população de 12,9 mil habitantes, de acordo com dados do IBGE/2013. A rede municipal de ensino tem cerca de 1,5 mil estudantes matriculados em 14 escolas, que contam com 110 professores. 
Blog do Magno

FONTE: GIRO MATA NORTE 

CONTATO IMEDIATO COM OS PRESOS


Resultado de imagem para PEDRO EURICO

O secretário de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico, veterano na política e experiente na vida pública, cometeu um gravíssimo erro ao afirmar que libera o seu celular para os presidiários entrarem em contato com ele. Numa missão dificil e delicada, que vinha cumprindo tão bem, Eurico escorregou no verbo num momento infeliz, dando a impressão que foi vencido pela tensão e o estresse. Merecia um grande puxão de orelha do governador Paulo Câmara (PSB), que preferiu relevar. 
Fora do território pernambucano, onde sua verborragia teve uma enorme repercussão, Pernambuco virou piada de mau gosto, Estado que passou a péssima impressão em que presos e quem cuida deles, na forma da lei, vivem uma relação promíscua e mal resolvida. Quanto mais Eurico se explica, mais se complica. Traído pela língua, nada do que tentou justificar pode ser compreensível.
Perdido feito cego em tiroteio diante dos holofotes, o secretário cometeu uma atrocidade verbal atrás da outra. Disse que o telefone estava à disposição dos detentos para que, dentre outras coisas, pudessem denunciar torturas. Com isso, convenhamos, o próprio secretário assume, mesmo sem ter esse objetivo, que o Estado é torturador. É o caminho da conclusão que se pode tirar do que falou de forma equivocada. 
O governador compreendeu, entretanto, o contexto das declarações do secretário, adotando cautela e optando pela minimização do episódio, que acabou naturalmente tomando uma dimensão muito maior e mais explosiva na mídia e nas redes sociais. Não vi uma só alma viva, reproduzindo Lula, que não tenha tapado o nariz para os estapafúrdios do secretário.
Quando uma autoridade vem a público dizer, sem medir as palavras, que os presidiários têm o seu celular e ainda ligam a cobrar o tempo todo e a toda hora para ele, de dentro das suas celas, comete um ato criminoso.  Está na lei – e o secretário sabe disso – que os detentos devem ficar incomunicáveis, sem direito a nenhum tipo de aparelho, muito menos celular.
As mais espetaculares fugas que ocorreram em presídios no País foram meticulosamente estudadas e planejadas com o uso do celular. Pernambuco não é uma ilha e não seria diferente. A revelação bombástica de Pedro Eurico, da sua relação de intimidade com os presos, querendo se apresentar diferenciado, abre um paradigma inapropriado para qualquer situação. Corre, infelizmente, o risco de entrar para a história como o secretário que instalou no Estado linha direta com os presos.
TIRE SUAS CONCLUSÕES– Veja o que disse Pedro Eurico, literalmente, numa audiência pública na Alepe: "Eu cometo hoje um ato irregular: dei meu celular em todas as cadeias. Eu não queria dar meu celular. Por que? Porque eu estou admitindo que presos usem o celular. Mas eu vou ser cínico? Eu vou mentir? O celular existe e está lá. E eu dei o meu celular e disse: liguem a cobrar. Quem sofrer tortura, quem sofrer vilipêndio, quem tiver informação para dar. E eles ligam. Minha mulher não aguenta mais, coitada, porque eles ligam até de madrugada. Mas tem que aguentar, porque essa é a minha missão".
Vai para o enfrentamento – Ao falar, ontem, da decretação de greve pela Polícia Civil durante o Carnaval, o governador Paulo Câmara (PSB) garantiu que a segurança será mantida. A paralisação, segundo ele, atende a interesses políticos, que promovem em "um desserviço à população". E completou: "A gente vai cumprir a nossa obrigação. Vai ter muita polícia na rua, Polícia Militar e as delegacias estarão abertas. Vamos oferecer as condições adequadas para o folião brincar, da forma que tem que brincar”.
Briga feia– O ponto crucial da greve da Polícia Civil está na paralisação do Instituto de Medicina Legal (IML). Os líderes do movimento já comunicaram que o departamento vai parar completamente. Como a incidência de crimes já é grande no Estado, numa festa prolongada como o Carnaval tende a triplicar o número de corpos encaminhados ao IML para perícia. A inclusão do IML reforça a tese de que os agentes querem radicalizar.
Dá para acreditar? – O ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, anunciou, ontem, que a partir de 1º de março, a cobrança extra da bandeira tarifária, nas contas de luz, vai cair dos atuais R$ 3, da bandeira vermelha, para R$ 1,50, da bandeira amarela. Essa é a primeira vez desde a entrada em vigor do sistema, em janeiro de 2015, que a bandeira sai do vermelho, que indica que o custo da produção da energia no País está muito alto, para amarelo, que indica melhora nessa situação.
Previdência com rombo – Com um rombo de R$ 2 milhões, o Instituto de Previdência de Sertânia se transformou num poço sem fundo, sorvedouro do suado dinheiro dos servidores públicos municipais. Mas o presidente terá que dar explicações sobre a situação financeira da instituição à Câmara de Vereadores, conforme requerimento nesse sentido, de autoria do vereador Antônio Henrique (PSB), o Fiapo, apresentado na primeira sessão de reabertura dos trabalhos legislativos.
CURTAS 
USO DE DRONE– Em Petrolina, o prefeito Júlio Lóssio (PMDB) vai usar um drone no monitoramento das áreas com maior circulação do mosquito da dengue. O equipamento foi ser utilizado em sobrevoo às residências dos bairros com maior índice de infestação do Aedes aegyptie, capturando as imagens dos criadores. “Temos que ganhar essa batalha contra o mosquito”, disse Lóssio.
RESSARCIMENTO – O líder do PP na Câmara, deputado Eduardo da Fonte, cobrou, ontem, à Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), que atue a favor da população pernambucana para que a Celpe seja obrigada a ressarcir não apenas os danos causados em eletrodomésticos, mas também em casos em que consumidores perderam alimentos em função do último apagão, ocorrido em várias regiões do Grande Recife, sexta-feira passada.
Perguntar não ofende: Quantos deputados trocarão de partido em Pernambuco com a promulgação da janela de infidelidade? 

Contagem regressiva para a montagem do Galo da Madrugada


A previsão é de que tudo fique pronto até as 16h desta quinta-feira

Do JC Online

Este ano, o Galo terá 27 metros de altura e 33 toneladas / Foto: Diego Nigro/ JC Imagem

Este ano, o Galo terá 27 metros de altura e 33 toneladas

Foto: Diego Nigro/ JC Imagem

O processo de montagem do Galo da Madrugada começou na noite desta quarta-feira (3) com a interdição da Ponte Duarte Coelho, no centro do Recife. Na ocasião, seis caminhões transportaram as peças da alegoria gigante. A previsão é de que tudo fique pronto até as 16h desta quinta-feira (5). 
Este ano, o Galo terá 27 metros de altura e 33 toneladas. Além disso, vai ganhar toques armoriais e óculos iguais aos usados pelo homenageado do bloco, Chico Science, que completaria 50 anos em 2016. Artistas locais e nacionais, como Almir Rouche, Gaby Amarantos e Ayrton Montarroyos, vão arrastar a multidão da Travessa do Forte até a Rua do Sol em 29 trios elétricos.

Governo do Estado deve acionar TJPE para barrar greve da Polícia Civil


O Governo do Estado ainda não foi notificado sobre a decretação de greve por parte da Polícia Civil, maracada para o sábado de Carnaval, dia do Galo da Madrugada. Mesmo assim, o Poder Executivo já estuda as medidas legais que deverão ser tomadas após a notificação, entre elas um pedido junto ao Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) para que seja decretada a ilegalidade da greve. Os policiais civis decretaram greve em assembleia realizada na última terça-feira (2) e anunciaram que a paralisação terá início à meia-noite do sábado (6). Abordado por jornalistas logo após a solenidade que marcou o início do ano letivo nas escolas estaduais, o governador Paulo Câmara garantiu que vai haver segurança nas ruas durante o Carnaval, apesar da iminência de greve.

Professores da Rede Municipal de Carpina podem entrar em greve nesta quarta-feira


A categoria reivindica o pagamento dos salários atrasados e do retroativo dos primeiros três meses de 2015
Carpina - Às vésperas de iniciar o ano letivo na Rede Municipal de Ensino de Carpina, na Zona da Mata Norte, o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais realiza nesta quarta-feira (3) uma Assembleia Geral que, de acordo com a diretoria, discutirá uma greve geral no município. O encontro acontece a partir das 9h, na sede do sindicato.
Os professores reivindicam o pagamento do retroativo do piso salarial, referente aos meses de janeiro, fevereiro e março de 2015. Além disso, eles também reivindicam o pagamento do período de férias e do salário do mês de dezembro. Segundo o sindicato, há casos de funcionários contratados na educação que estão sem receber os salários dos meses de novembro e dezembro.
Ainda de acordo com o sindicato, os atrasos salariais são recorrentes desde o início do mandato da atual administração municipal. Por diversas vezes, o sindicato tentou a conciliação e até mesmo a Justiça já notificou a Prefeitura, a fim de regularizar os pagamentos, mas os problemas persistem.
Com a aprovação do novo piso salarial nacional dos professores, a categoria tenta uma nova reivindicação. De acordo com a Secretaria Municipal de Educação, o ano letivo começa no próximo dia 15 de fevereiro.

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Lucas Ramos: “Precisamos de mudanças profundas no sistema prisional”


O deputado estadual Lucas Ramos (PSB) comentou os acontecimentos no sistema prisional pernambucano. Na Assembleia Legislativa, o parlamentar integra a Comissão de Cidadania, Direitos Humanos e Participação Popular e mostra-se preocupado com a situação carcerária. “Os últimos motins e fugas mostram, mais uma vez, que nossas unidades prisionais precisam ser readequadas para garantirmos a ressocialização efetiva dos reeducandos”, afirma o socialista.

Lucas Ramos se reunirá com o governador Paulo Câmara para apresentar uma proposta para o Complexo Penitenciário do Curado (antigo Presídio Aníbal Bruno), na Zona Oeste do Recife, que transformaria o local em conjunto habitacional ou centro comercial. “O Estado pode fazer uma permuta com empresas do ramo imobiliário, que utilizariam o terreno do complexo em troca da construção de várias unidades de reabilitação com capacidade para receber até 500 pessoas”, sugere o deputado. “É impossível gerenciarmos unidades com até seis mil detentos e conseguirmos a recuperação plena deles”, finaliza.

O parlamentar propõe a troca de experiências com outros estados que obtiveram sucesso na reformulação dos sistemas de ressocialização. “O Espírito Santo promoveu grandes avanços no sistema de ressocialização com a recuperação das unidades e execução de programas sociais dentro do ambiente prisional”, explica Lucas Ramos. As mudanças não se deram somente na estruturação física dos prédios, mas também na implantação e expansão dos programas de atendimento à saúde, educação, qualificação profissional e de trabalho na gestão do ex-secretário capixaba de Justiça Ângelo Roncalli.

O objetivo deste conjunto de ações é proporcionar dignidade à pessoa presa, reintegrá-la à sociedade de maneira adequada e promover o efetivo cumprimento da Lei de Execução Penal. “Tenho toda a satisfação em dividir com os demais Estados as experiências que deram certo no Espírito Santo. É um desafio nacional, mas o que está dando bom resultado precisa ser difundido”, conta o ex-secretário. “O Complexo do Curado não tem condições de uso seja arquitetura ultrapassada, seja pela proximidade com residências. A proposta do deputado é muito boa, tomando-se o cuidado de que essas unidades menores sejam construídas longe de áreas urbanas”, comenta Roncalli.


Felipe Salgado
Assessor de Imprensa
Barto Bittencourt
Jornalista
Gabriela Bento
Estagiária

Gabinete do deputado Lucas Ramos
Assembleia Legislativa de Pernambuco
81 3183.2313 / 81 99267.9103
Facebook: Lucas Ramos
Instagram: @lucasramosdeputado

PAUDALHO: TCE pede ao Conselho de Contabilidade que avalie conduta de contador


A Segunda Câmara do TCE, ao analisar as contas de gestão do ex-prefeito de Paudalho, José Fernando Moreira da Silva, referentes ao ano de 2012, decidiu na terça-feira (26) enviar cópia de sua deliberação ao Conselho Regional de Contabilidade para avaliar a conduta profissional do responsável pela contabilidade do município, suspeito de ter induzido a prefeitura a erro na contabilização de contratos de servidores terceirizados. O relator do processo (TC Nº 1302000-6), em substituição ao conselheiro Marcos Loreto, foi o conselheiro substituto Marcos Flávio, cujo voto foi aprovado à unanimidade.
Ele julgou irregulares as contas do ex-prefeito e aplicou-lhe uma multa no valor de R$ 3.380,00. E, regulares com ressalvas, as contas dos cinco integrantes da Comissão de Licitação, a saber: João Gomes da Silva Filho, Paulo Vanderley de Mendonça Filho, Laércio José do Nascimento, Miriam Josefa da Conceição Barros e Luany Roberta de Santana.
IRREGULARIDADES – De acordo com o voto do relator, o setor de Contabilidade da prefeitura registrou na conta contábil valores de contratos de terceirização, afrontando o artigo 18, parágrafo 1º, da Lei de Responsabilidade Fiscal.  
Além disso, a prefeitura despendeu a quantia de R$ 108.090,00 na aquisição de camisas estampadas com inscrições e slogans da gestão, para serem distribuídas com servidores e parte da população, sem a efetiva comprovação da despesa, e deixou de recolher ao Regime Próprio de Previdência a importância de R$ 7.174.528,82.
O relator fez várias determinações ao atual gestor do município, entre elas que o setor de Contabilidade da prefeitura passe a contabilizar, a partir de agora, a correta despesa com mão de obra e que procure contratar artistas e/ou bandas diretamente com seus empresários, evitando gastos desnecessários com agenciadores. O procurador Gilmar Severino de Lima representou o Ministério Público de Contas.
 


Fonte: TCE-PE

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Policiais civis deflagram greve



Medida deve fragilizar esquema de segurança durante o carnaval. Atividades serão paralisadas a partir de sábado

Os policiais civis de Pernambuco decretaram estado de greve, na noite desta terça-feira, em assembleia na sede do Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco (Sinpol), em Santo Amaro. A categoria promete cruzar os braços a partir da 0h do Sábado de Zé Pereira. Somente flagrantes serão realizados e em esquema lento. Na quinta-feira, às 15h, agentes, escrivães e auxiliares legistas farão uma passeata de protesto da sede do Sinpol até o Palácio Campo das Princesas, sede do Governo de Pernambuco.



De acordo com o presidente do Sinpol, Áureo Cisneiros, o governo desrespeitou o acordo coletivo firmado em dezembro, não realizou as reuniões de negociação que foram progamadas e deixou de encaminhar o projeto de lei que prevê a revisão de Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos da categoria para a Assembleia Legislativa de Pernambuco. "O documento deveria ter sido entregue no dia 1º de fevereiro, para garantir que, com os trâmites, vigorasse em abril. Mas eles assumiram um compromisso e não cumpriram e não vamos mais discutir. Agora é greve", declarou o presidente do sindicato.

O projeto de lei eleva o nível salarial da categoria, que abraça 5,3 mil profissionais. Apenas as delegacias de plantão vão funcionar, e com 30% do efetivo, conforme o previsto pela lei.

DIVULGAÇÃO : DESAPARECIDO

Postado por; OGERADIO@1
IMAGEM DO WHATSAPP
Segundo informações de familiares ao BLOG, ele está desaparecido desde do dia 28 de janeiro de 2016, quinta feira, Atende pelo apelido de (RAMOS),  o mesmo saiu sem camisa trajando apenas uma bermuda e descalço até agora nenhuma noticia sobre o seu paradeiro.
Quem souber de alguma informação pode acessar o WhatSapp do BLOG DO OGE (81) 9-9487-6109 ou para o Email; jeozicesar@hotmail.com. 

MPPE investiga vice-prefeita de Belém de Maria na operação ‘Pulverização’

Postado por ogeradio@1

Documentos que podem incriminar mais pessoas são analisados, diz MP.
Prefeito está foragido; políticos são suspeitos de desviar R$ 9 milhões
MPPE-LOGO-300x210A vice-prefeita de Belém de Maria, na Mata Sul de Pernambuco, está entre os investigados da Operação Pulverização, informou nesta terça-feira (2) o Ministério Público de Pernambuco (MPPE). Na quinta-feira (28), cinco vereadores e um funcionário da prefeitura foram presos. Eles são suspeitos de desviar mais de R$ 9 milhões da Prefeitura. O prefeito do município ainda está foragido. Entenda AQUI.
As investigações tentam localizar e capturar os foragidos. Documentos que podem incriminar mais pessoas são analisados, segundo o MPPE. “Há centenas de documentos que ainda estão em fase de averiguação. Trata-se de um esquema forte de corrupção, em uma cidade que sofre com pouca infraestrutura”, disse o procurador de Justiça e coordenador do Gaeco, Ricardo Lapenda, por meio da assessoria de imprensa.
Repercussão dos moradores
A prisão de cinco vereadores repercutiu entre os moradores do município. O comerciante Silva Bezerra, 60 anos, afirma que por consequência dos desvios de dinheiro do município, as vendas do estabelecimento dele diminuíram. “Os funcionários compraram, não receberam, aí não me pagaram. Se eu pagasse aluguel, seria pior. Aqui é próprio”.
Foram expedidos 13 mandados de prisão na operação Pulverização, segundo o Ministério Público de Pernambuco (MPPE). Destes, seis foram cumpridos. Cinco dos nove parlamentares do município da Mata Sul pernambucana foram levados para o Presídio Rorenildo da Rocha Leão, em Palmares, e outros três estão foragidos.
O desempregado Luís Gonçalves da Silva, de 40 anos, lamenta a situação do município onde nasceu. “Meu sentimento é que ele [o prefeito] deveria estar preso faz tempo. Uma coisa que nunca aconteceu em Belém. Os comércios estão todos fechados, o povo não tem dinheiro”.
Ao chegar na cidade e ficar sabendo das prisões, o agricultor José Gomes, de 45 anos, comentou. “Eu acho errado porque a gente trabalha com a honestidade, né? O pessoal tem que procurar ajeitar mais, nossa cidadezinha é tão boa de morar. O pessoal tem vezes que quer fazer as coisas acima do que pode, e termina acontecendo isso”.
Salários suspensos
Os salários dos cinco vereadores presos em Belém de Maria serão suspensos e suplentes devem ser convocados para ocupar os cargos. A informação é do assessor jurídico do legislativo no município, Golberyr Lopes. “O regimento [interno] não fala sobre isso, mas inicialmente vamos suspender para a Câmara poder pagar os que estão assumindo. Como na Câmara o duodécimo é muito pequeno, não dá para pagar todo mundo”, disse ao G1.
O assessor jurídico da Câmara informou também que a vice-presidente já assumiu as atividades na Casa. “Nos reunimos com a vice-presidência da Câmara, que vai a partir de agora, com a prisão vereadores – inclusive do presidente – assumir a presidência e convocar os vereadores suplentes para assumir as cadeiras daqueles que estão momentaneamente impedidos de continuar o seu mandato. A próxima reunião está marcada para o dia 3 de fevereiro, próxima quarta-feira. Até lá deve estar tudo regularizado”.
Operação
Foram expedidos 13 mandados de prisão. Cinco vereadores e um funcionário da prefeitura de Belém de Maria foram presos na manhã desta quinta-feira (28) durante a segunda fase da Operação Pulverização. Entre os presos está o presidente da Câmara, José Jairo Leonildo de Brito, conforme informou aoG1 o delegado Vladimir Lacerda. Além do presidente da câmara, os vereadores Jailson José da Silva, Josival Carlos dos Santos, Antônio José da Silva e Carlos José Soares foram presos. O prefeito Valdecir José da Silva é considerado foragido da Justiça.
De acordo com o promotor de Justiça Frederico Magalhães, o prefeito é suspeito de liderar a organização criminosa. “O esquema não tinha a condição de existir sem a participação efetiva do gestor municipal. Ele tinha possibilidade de coibir a prática delitiva ou facilitar, estimular e promover os desvios dos recursos públicos. Ele é o dono do cofre”, disse.
O procurador e coordenador do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) –  vinculado ao MPPE -, Ricardo Lapenda Figueiroa, informou que as investigações começaram com a promotoria de Palmares. “No primeiro momento foram descobertas algumas empresas fantasmas. Foram quebrados sigilos fiscais e que na análise inicial havia o desvio de dinheiro de R$ 3 milhões. Depois desta quebra o valor já passa dos R$ 9 milhões”, informou.
Os suspeitos foram levados para o Presídio Rorenildo da Rocha Leão, em Palmares, na Mata Sul de Pernambuco. “Desta vez, o núcleo investigado é o político”, informou o delegado. Participaram da operação 16 policiais militares, 60 policiais civis e o Gaeco, do MPPE.
Primeiras prisões
Um secretário de finanças e mais seis pessoas foram presas no dia 19 de novembro suspeitos de desviar R$ 3 milhões da Prefeitura de Belém de Maria. A ação do MPPE e da Polícia Civil buscou suspeitos de criar empresas fantasmas, lavar dinheiro e fraudar licitações, segundo a assessoria de imprensa do MPPE.
Na época, quatro suspeitos foram localizados em Água Preta, um em Catende, um em Palmares e outro em Caruaru. Ao G1, o promotor de justiça Frederico Magalhães informou que o secretário de Finanças do município era suspeito de liderar o grupo. “Os demais envolvidos não eram funcionários da prefeitura. Suspeita-se que as empresas fantasmas tenham sido criadas nos nomes de cada uma das outras seis pessoas envolvidas”.
G1/PE